MENU

terça-feira, 18 de março de 2014

Santa Sé assina acordo com outras religiões: Desarraigar a escravidão e o tráfico de seres humanos até 2020

Foi assinado na manhã desta segunda-feira (17/03) um acordo entre Santa Sé e representantes das grandes religiões do mundo para desarraigar as formas modernas de escravidão e o tráfico de pessoas até 2020, através dos instrumentos da fé, oração, jejum, caridade e incentivo a uma ação global de combate a esses crimes contra a humanidade.

Trata-se da Global Freedom Network (Rede Global de Liberdade) realizado em colaboração com a Walk Free Foundation. A iniciativa foi apresentada hoje na Sala de Imprensa da Santa Sé. Tomaram a palavra na coletiva: O chanceler das Pontifícias Academias das Ciências e das Ciências Sociais, Dom Marcelo Sánchez Sorondo, representando a Santa Sé; Mahmoud Azab, representando o grande Imã da Universidade de Al-Azhar, no Cairo, Egito; o anglicano David John Moxon, representando o Arcebispo de Cantuária Justin Welby; e o australiano Andrew Forrest, fundador da Walk Free Foundation. Também estavam presentes o Presidente do Pontifício Conselho da Justiça e da Paz, Cardeal Peter Kodwo Appiah Turkson, e o Diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Pe. Federico Lombardi. Para ler mais CLIQUE AQUI



QUARESMA

A riqueza do Tempo Litúrgico da Quaresma deve-se à mesa da Palavra, onde os textos, inspirados pelo Espírito convidam-nos a uma profunda renovação interior. O Lecionário Ferial e o Dominical apresentam um itinerário de conversão, trazendo um apelo forte para acolhermos os fracos, socorrendo-os em suas necessidades.
Já a partir de Quarta-Feira de Cinzas a Campanha da Fraternidade nos convoca a reflexão sobre a passagem bíblica. ‘‘É para a Liberdade que Cristo nos Libertou’’ é o Lema que motiva as atividades da Campanha da Fraternidade 2014, a respeito do tráfico de pessoas.
 Tendo em vista a necessidade de refletir sobre esse crime que cresce no território brasileiro, a CNBB escolheu o Tema: ‘‘Fraternidade e Tráfico Humano.’’
 Uma pesquisa divulgada este ano e produzida pela Secretaria Nacional de Justiça do Ministério da Justiça (SNH/MJ) revelou pela primeira vez, detalhes deste tipo de tráfico nos onze estados de fronteira do Brasil. Os dados confirmam que pelo menos 475 pessoas no período de 2005 a 2011 foram identificadas como vítimas do tráfico humano no país, sendo a maioria delas mulheres entre 18 a 29 anos e adolescentes.
 A Campanha da Fraternidade 2014 quer contribuir para o enfrentamento do Tráfico Humano que viola a dignidade e os direitos das pessoas, principalmente em grandes eventos que ocorrerão no Brasil, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas.
 Na quarta-Feira de Cinzas será realizada a abertura da Campanha da Fraternidade em todas as Paróquias e, na catedral às 19 horas.
 
Dom Francisco Carlos da Silva
Bispo Diocesano