MENU

quarta-feira, 27 de março de 2013

DE PEDRO A BENTO XVI


Ao ler o Novo Testamento, vemos que São Pedro teve sempre uma liderança sobre os companheiros. Quando os evangelistas citam os nomes dos Apóstolos, ele vem em primeiro lugar (cf. Mt 10, 2; Mc 3, 16; Lc 6, 14; At 1, 13). São Mateus diz do propósito: ‘‘ Eis os nomes dos doze Apóstolos: primeiro Simão, chamado Pedro...’’
No Evangelho escrito por São João, vemos que Jesus tinha em sua mente o nome de Pedro, como alguém que estava em seus projetos divinos para uma função especial, já antes de Pedro conhecer Jesus. Isto aparece no primeiro encontro que os dois tiveram. ‘‘Fitando nele o olhar Jesus lhe disse: Tu és Simão, o filho de João, más irás chamar-te Cefas, que significa Pedro’’ (Jo 1, 42b).
Mais tarde, Jesus disse abertamente a Pedro, diante dos outros Apóstolos: ‘‘Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja, e o poder do Malígno não dominará sobre ela. Eu te darei as chaves do Reino dos céus. Todo o que ligares na terra, será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus’’ (Mt 16, 18-19).
Aqui Jesus promete fazer de Pedro a pedra ‘‘base’’ de sua Igreja e também fala que lhe vai dar as ‘‘chaves’’ do Reino dos Céus, Isto é, o poder de governar a Igreja. E depois, estando para subir ao céu, Jesus entregou a Pedro a chefia de sua Igreja, ordenando que ele fosse o pastor de seus ‘‘cordeiros’’ e de suas ‘‘ovelhas’’. Esta expressão (cordeiros e ovelhas) significa a totalidade do rebanho (cf. Jo 21, 15-17).
Em outra passagem, Jesus deu a Pedro, expressamente, uma responsabilidade sobre os outros apóstolos. O Senhor lhe disse: ‘‘confirma os teus irmãos!’’ (cf. Lc 22, 31-32). trata-se de confirmar na fé, sendo para todos um sinal de unidade, em nome de Jesus Cristo.
E, lendo o Livro dos Atos, vemos que São pedro exerceu sempre este ‘‘serviço’’ de governar a Igreja e foi bem aceito por todos. Veja, por exemplo, a escolha de Matias (At 1, 15s), o Concílio de Jerusalém (At capítulo 15 todo) e outras passagens.
Assim de Pedro a Bento XVI, 265 servidor conduziram a Igreja de Cristo e como por eles a Igreja sempre rezou, reza agora por aquele que virá.
‘‘Bendito o que vem em nome do Senhor’’

Dom Francisco Carlos da Silva
Bispo Diocesano

Nenhum comentário:

Postar um comentário